Governo de Goiás

Notícias

GoiásFomento injeta R$ 622 milhões na economia goiana

Atualizado em 23-01-2018 12:15h

Robson Clemente Siqueira é dono de um supermercado no Setor Pedro Ludovico, em Goiânia, onde trabalham 14 pessoas. O empresário é cliente da GoiásFomento e já fez dois financiamentos na Agência. No mais recente deles, usou os recursos para ampliar o estabelecimento, comprar mercadoria e uma moto, que está sendo usada para entrega de produtos à clientela. “Já peguei empréstimos em outros bancos e não há comparação quando se trata da GoiásFomento”, diz Robson. “Há uma atenção diferenciada para o pequeno empresário, os juros são acessíveis e cabem na nossa capacidade de pagamento”.
 


A Agência de Fomento de Goiás foi criada em 1999, na primeira gestão do governador Marconi Perillo, para dar apoio ao empresário com juros baixos, prazos maiores para pagamento e carência. De lá para cá, mais de R$ 622 foram liberados para empresários, microempreendedores individuais e profissionais autônomos de todo o Estado, atendendo 21 mil contratos.  Só no ano passado, a GoiásFomento emprestou mais de R$ 32 milhões, que contemplaram 811 contratos em todo o estado. Os setores mais beneficiados foram o comércio, serviço e industrial.
 


Atualmente, a GoiásFomento empresta até R$ 200 mil com juros mensais a partir de 0.8%, dependendo da linha de crédito escolhida. O prazo para pagamento varia entre 24 e 60 meses. “Somos o apoio para que o empresário goiano possa se sustentar no mercado, gerando vagas de trabalho e colaborando para o crescimento da economia regional”, diz o presidente Henrique Tibúrcio. “O governo goiano não abre mão de ser o suporte para que o empreendedor e o empresário continuem na ativa, contribuindo para que Goiás esteja entre os maiores geradores de emprego do País”.  

Submenu

Sistema de Busca

Palavra-chave:

Palavras Pesquisadas

Tire suas dúvidas

Aqui, você tira suas dúvidas sobre as taxas dos creditos e descobre as vantagens dos produtos.

saiba mais