Governo de Goiás

Notícias

Agência liberou mais de R$6,2 milhões a participantes do PNE

03-07-2017 08:27h
img-1597-1438115.JPG

Mais de R$ 6,2 milhões foram liberados em empréstimos a empresários que pleitearam algum tipo de financiamento após a participação no curso Plano de Negócios e Empreendedorismo (PNE) só no primeiro semestre deste ano. Os recursos da GoiásFomento contemplaram 168 contratos, cujas empresas geram, juntas, 568 empregos em Goiás.

 

Uma das clientes foi a empresária Darlene Martins, 51 anos, divorciada e com dois filhos. Dona da “Principal Ótica”, estabelecimento localizado no Centro de Catalão, ela chegou de Araguari (MG) em 1997. Havia feito pesquisa de mercado e constatou que no município goiano havia apenas quatro óticas para atender a uma população de quase 100 mil habitantes. “E a média era de uma ótica para cada 15 mil habitantes, ou seja, havia espaço em Catalão”, conta ao explicar que, naquele momento, optou por abrir na cidade uma ótica.

 

Começou com poucos produtos. Hoje emprega duas vendedoras, um funcionário na área administrativa, um caixa e um montador. Nestes vinte anos, é a primeira vez que pega empréstimo na GoiásFomento. “Era desestimulada, colegas diziam que era muito burocrático”, lembra. “Não vi nada disto! No SindLojas de Catalão (parceiro da GoiásFomento) recebi todas as informações, fui muito bem orientada, assisti palestras, estava com a documentação em dia e pude aproveitar os juros mais baixos”.

 

Darlene pegou R$ 50 mil. Com este recurso, irá comprar máquina de montagem e a entrega de óculos, que hoje leva três dias úteis, será feita em uma hora. “O novo maquinário irá agilizar o meu processo e poderei contratar mais profissionais”, comemora.

Submenu

Sistema de Busca

Palavra-chave:

Palavras Pesquisadas

Tire suas dúvidas

Aqui, você tira suas dúvidas sobre as taxas dos creditos e descobre as vantagens dos produtos.

saiba mais